segunda-feira, 31 de março de 2014

Enquanto no Estado mais um abandona o barco rosalbista, em Mossoró o DEM vai realizar sua convenção em uma sala

Imagem da convenção do DEM, em 2012, no Ginásio do Pequeno Príncipe - Foto: Arquivo

Para os rosalbistas a governadora do Estado, Rosalba Ciarlini, não está nem aí para o fato de ter sido apontada como a pior governadora do Brasil, conforme pesquisa do Ibope realizada em todos os Estados do Brasil.

Também, na ótica dos aliados de Rosalba, pouca importa se a governadora sofre uma rejeição recorde junto ao eleitorado do Rio Grande do Norte.

Todavia, dois fatos recentes jogam por terra todo o discurso de recuperação administrativa e de liderança política da governadora, em Mossoró e no Rio Grande do Norte.

Em Mossoró, pela primeira vez o DEM, que tem como presidente o marido da governadora e chefe da Casa Civil, Carlos Augusto Rosado, vai realizar uma convenção partidária para homologar seus candidatos a prefeito e vice-prefeito, na própria sede do partido.

Nas convenções passadas o palco usado pelo do grupo rosalbista era o Ginásio Pequeno Príncipe, no bairro Paredões, local capaz de receber milhares de pessoas.

Agora, para homologar sua chapa, para o pleito de 4 de maio, o local escolhido é um imóvel que não comporta mais do que 50 pessoas.

Em nível estadual, mais uma prova inconteste do isolamento a que a governadora está submetida.

É o pedido de exoneração da secretária da Sethas, Shirley Targino.

Ela já avisou ao casal Rosalba/Carlos Augusto que está deixando o Governo do Estado para seguir o seu partido, o PR, do qual é presidente da ala das mulheres, no apoio ao nome do presidente da Câmara Federal, Henrique Alves, ao Governo do Estado.

Observa-se que Shirley Targino era usada como um troféu pelos rosalbistas que tentavam passar a ideia de que quando rompeu com o governo Rosalba, João Maia não conseguiu levar nem seus aliados que permaneciam na gestão estadual. Ao lado da Rosa.

Pelo visto, não foi Rosalba que segurou os aliados de João Maia, e sim, foi João Maia que manteve-os no Governo do Estado até a hora que desejou. Agora, começa a debandada.

Isso tudo acontecendo e os meninos e meninas ainda propagam que a Rosa está reagindo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário