segunda-feira, 19 de maio de 2014

Rosalba começa a tratar de sua reeleição no dia em que o Estado perde o procurador-geral


Uêba!!!

A governadora do Estado, Rosalba Ciarlini e o seu marido, o chefe da Casa Civil, demoram, mas, começaram, ao menos oficialmente, a tratar do projeto de reeleição.

Parece que acusando o tempo perdido, o casal decidiu correr em busca do tempo perdido e começaram as conversas com o comando do DEM.

Todavia, porém, no entanto, entretanto, a data escolhida para início das negociações foi, digamos, em uma dia em que o Governo do Estado deveria estar de luto, pois, perdeu o seu procurador-geral, Miguel Josino.

Sim, Rosalba e Carlos Augusto Rosado receberam em sua residência, o deputado federal, Felipe Maia, filho do senador José Agripino, presidente do DEM, no mesmo dia em que Miguel Josino faleceu.

Felipe foi até a casa de Rosalba e Carlos Augusto Rosado em companhia do deputado estadual, Getúlio Rêgo, que segundo se comenta, está tentando arrumar a vida do filho, o ex-prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Rêgo.

Foi o próprio parlamentar federal que tratou de revelar o encontro.

Note-se que da parte de Rosalba Ciarlini e Carlos Augusto, nenhuma informação foi revelada. Ao menos até o momento sobre a articulação política.

Pelo visto, o casal pretendia manter o assunto sob segredo de estado.

Não combinaram, é o que se depreende, com Felipe.

Que além de revelar o encontro político, Felipe Maia, foi mais além, e avisou que na reunião deixou um aviso sobre a prioridade do partido:

- O tempo está passando e é preciso validar as alianças. A viabilidade eleitoral dos que disputam um cargo no Legislativo deve ser levada em consideração. Afinal, nosso partido quer crescer”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário