sábado, 7 de junho de 2014

Jornais Gazeta do Oeste e De Fato confirmam o que o blog informou sobre tratamento desrespeitoso do diretório do PMDB para com Fafá

Na noite de quinta-feira, 5, o editor deste blog foi informado, pela vereadora Izabel Montenegro, presidente do PMDB mossoroense, que seria interpelado judicialmente, para provar que ela teria agradedido a ex-prefeita de Mossoró, Fafá Rosado, PMDB.

Como a linha editoria do blog é de jornalismo informativo, evitei, a princípio, comentar a ameaça.

Até por não ter mais idade para perder tempo com esse tipo de coisa.

Agora, para começar o sábado, 7, passo em revista os jornais da mossoroense (cidade), e, eis que os nossos diários estão reafirmando, o que aqui foi informado.

Confira o que diz a Gazeta do Oeste- Em vermelho:

Fafá ouve Henrique, mas sobram dúvidas
Izabel Montenegro tem trabalhado para tirar Fafá do PMDB, Fafá Rosado foi alvo do fogo amigo – Foto
Izabel Montenegro tem trabalhado para tirar Fafá do PMDB, Fafá Rosado foi alvo do fogo amigo  

A decisão da ex-prefeita Fafá Rosado se permanecerá no PMDB e sairá candidata a deputada federal só sairá na semana que vem. Fafá pediu um prazo a Henrique de uma semana para ouvir seus amigos em Mossoró e decidir qual destino tomará. A ex-prefeita e o deputado Henrique Alves conversaram na quinta-feira à noite, tendo como testemunhas o ministro Garibaldi Filho e o deputado estadual Leonardo Nogueira. Durante a conversa, Henrique propôs a ela que seja candidata a deputada federal com total apoio do PMDB e que lhe apoie na disputa pelo Governo.

Uma semana antes de conversar com Henrique, Fafá Rosado já havia recebido do vice-governador e pré-candidato ao Governo, Robinson Faria, proposta tentadora para subir no seu palanque. Não era intenção de Fafá sequer cogitar apoio a Robinson, mas a falta de atenção do PMDB para com ela foi tão acentuada que não lhe restou outro caminho senão tentar por outro viés a sobrevivência política. No último minuto, Henrique percebeu que estava perdendo o apoio da ex-prefeita mossoroense e decidiu tentar reverter o prejuízo.

Seja qual for a decisão de Fafá Rosado, uma coisa é certa. A situação só chegou a esse ponto graças à atuação da presidente municipal do PMDB, vereadora Izabel Montenegro, que não tem nenhum interesse no apoio ao projeto da ex-prefeita e vem trabalhando nos bastidores para vê-la fora do PMDB. Izabel chegou a fazer discursos desfavoráveis à vida pública de Fafá Rosado. Usou o plenário da Câmara Municipal para esse fim.

Na análise dos acontecimentos, as dúvidas na imprensa e na própria cabeça de Fafá eram se os ataques tinham ou não o conhecimento de Henrique Alves. Parecia impossível que a presidente do diretório da segunda maior cidade do Estado atacasse uma ex-prefeita de dois mandatos, sem que o comando estadual tomasse conhecimento.

Leia matéria no site AQUI





Nenhum comentário:

Postar um comentário