quarta-feira, 4 de junho de 2014

Leonardo Nogueira fala sobre demissões no setor petroleiro de Mossoró


A previsão de 800 demissões de funcionários do setor de exploração de petróleo, na região Oeste, foi o assunto discutido pelo deputado Leonardo Nogueira (DEM) na sessão plenária desta quarta-feira (04). O parlamentar informou que a crise do desemprego está afetando as famílias, especialmente em Mossoró, onde foram demitidos, na última sexta-feira (30), 16 funcionários. “Mesmo diante de uma crise anunciada, pois esse problema vem se acentuando há três ou quatro anos, não vejo ninguém tomar uma medida”, declarou.

O deputado declarou que colheu informações com Ministério Público do Trabalho, Justiça do Trabalho e Sindicato dos Petroleiros. “Desde 2009, foram cerca de 5 mil demissões em todo país. A Petrobras instituiu um programa de demissões voluntárias e aqui em Mossoró cerca de 800 pessoas vão aderir. A cidade está no meio desse turbilhão de demissões e falências. Graças a Deus que a natureza foi generosa com Mossoró e nos deu opções como a fruticultura e o sal. Mas, independente disso, a locomotiva principal, o que trazia progresso para a região, é a exploração de petróleo”, disse Leonardo.

Segundo o parlamentar, as demissões vão gerar prejuízos em outros setores da economia. “O setor de hotelaria, agricultura, construção civil, entre outros sofrerão com essa crise. Hoje, em Mossoró, essa repercussão ocorre na construção civil. Temos imóveis que eram valorizados e hoje estão sobrando imóveis, porque muitos trabalhadores foram morar em outras cidades ou estão com poder aquisitivo inferior. A consequência disso é a queda dos preços das propriedades e demissões nessa área da construção”, concluiu.

Fonte: Assembléia Legislativa do RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário